CARTA AOS TRABALHADORES ARTISTAS E TÉCNICOS

Eu me lembro, corria o ano de 1978, anos de chumbo que prendiam, censuravam e matavam nossos artistas e intelectuais entre outros e muitos sonhos foram enterrados. Mas a classe artística reagia tanto no Rio de Janeiro quanto em São Paulo, todos na rua exigindo o fim da censura, trabalhadores famosos ou não, todos na rua protestando.

 

Lélia Abramo, Presidente do SATEDSP e Otávio Augusto, Presidente do SATEDRJ lutaram e muito para propor, em nome de todos, a Regulamentação Profissional, que diga-se de passagem, sugerida pela 4ª vez  durante o século XX.

 

Em SP todos iam ao Teatro Paiol, onde se discutia, propunha e tornava o movimento cada dia mais forte.

Até que no dia 24 de Maio de 1978, finalmente foi aprovada a lei que até os dias de hoje garante Direitos fundamentais a classe trabalhadora Artística e Técnica, tais como: registro profissional, contratos de trabalho, direito autoral, escolas aos filhos dos Circenses etc..

 

E a luta continua até hoje!

 

Muito pouco para muitos que tentam a duras penas a sobrevivência. Gente forte que não cede e luta cada dia pela valorização do seu trabalho, garantia dos seus direitos e pela União junto ao seu Sindicato.

 

A ausencia de uma Politica Cultural de fato e de direito aos Trabalhadores nos leva a exigir uma proposta de uma Politica Cultural dos Trabalhadores para o Executivo, para que se cumpra o Capitulo da Cultura determinado na Constituição Federal e não uma festiva rede de eventos onde os trabalhadores não estão incluídos.

 

Quanto as propostas elaboradas no Legislativo, estão muito longe de nos atender de fato, e resta a nossa experiencia de “ganho de causa” junto ao Judiciário, assim tem sido feita Justiça promovida por um competente Escritório Jurídico.

 

Como a letra do saudoso Gianfrancesco Guarnieri  e Edú Lobo, diz ..” É um tempo de Guerra…..” vamos também dizer juntos neste dia 24 de Maio de 2013, vamos exigir que a Cultura seja imprescendível para a vida humana, e muito mais para todos os Trabalhadores Artistas e Técnicos

 

QUEREMOS “PÃO NA MESA” DO TRABALHADOR ARTISTA e TÉCNICO, COM TRABALHO, RENDA, SAÚDE e MORADIA.

 

Saudações Sindicais,

 

 

Ligia de Paula Souza

Presidente SATED/SP

11 3222-1218
11 7763-7966

Deixe uma resposta